symbol

Osteopatia

mask white

A osteopatia é uma disciplina científica que estuda as disfunções do movimento ao nível neuro-musculo-esquelético, visceral e craniano. A osteopatia relaciona os conhecimentos de anatomia e fisiologia do corpo humano com os conhecimentos de como intervêm os diferentes tecidos na produção da dor. Através de técnicas manuais específicas e dirigidas aos tecidos identificados como patológicos, a osteopatia facilita os mecanismos inerentes de auto-regulação, permitindo que o corpo se recupere e consiga a normalização das funções alteradas, que se traduz numa diminuição dos sintomas e recuperação da saúde.

 

Problemas Mais Frequentes

· Cervicalgia (dor Cervical);
· Cefaleia (dor de cabeça) ou enxaquecas;;
· Dor de origem articular, ligamentar ou muscular;
· Discopatias (discartrose, hérnia ou protusão discal);
· Dor lombar, ciatalgias;
· Sequelas de traumatismos ou de acidente de viação (Wiplash);
· Disfunção da Articulação Temporomandibular;
· Disfunção da deglutição ou da digestão (por hérnia do hiato ou apenas por tensão fascial); 
· Disfunções intestinais (por exemplo prisão de ventre ou colite);
· Dor pélvica crónica;
. Síndrome do túnel cárpico.

 

Tratamento

Na Physioclem, trabalhamos as duas áreas de forma complementar: o Osteopata faz uma avaliação criteriosa do utente com o objetivo de identificar a causa do problema de saúde e, através de técnicas manuais, restituir a mobilidade aos tecidos, libertação e harmonização geral. O fisioterapeuta, por sua vez, trabalha para manter uma nova postura e desenvolve os músculo para uma maior estabilidade articular e melhoria da função..

 

osteopatia pediátrica

Tanta no útero materno como no momento do parto o bebé pode estar mal posicionado ou ser sujeito a pressões ou tensões excessivas sobre as diferentes estruturas musculoesqueléticas, em especial o crânio, o que pode provocar lesões que podem estar na origem de sinais e sintomas que normalmente se traduzem por perda de mobilidade de alguma estrutura que no futuro se podem traduzir por escolioses, má oclusão dentária, astigmatismo ou irritabilidade entre muitos outros.

 

O que fazemos

O principal objetivo da osteopatia é resolver/corrigir alterações musculoesqueléticas apresentadas no pós-parto e/ou durante o crescimento, para que mais tarde, na idade escolar, adolescência e idade adulta, não surjam consequências ou compensações maiores, tratando assim a sintomatologia e corrigindo os desequilíbrios estruturais que favorecem a função mecânica corporal, quanto mais cedo forem detetadas, maior será a eficácia do tratamento.

Se houve complicações na gravidez ou se o seu bebé foi sujeito a manobras de pressão sobre a barriga da mãe, parto com ventosa ou fórceps, se nasceu de cesariana, se foi utilizada ocitocina artificial que produz contrações fortes e irregulares ou se simplesmente quer fazer um check-up para que o seu bebé ou criança cresça equilibrado, consulte um dos nossos profissionais que para além de osteopatas são também fisioterapeutas fazendo uma intervenção ainda mais completa.

 

Problemas Mais Frequentes

· Cólicas;
. Refluxo;
. Engasgamentos;
. Dificuldade em mamar ou em ganhar peso;
. Torcicolos;
. Assimetrias da cabeça ou face (ex. zonas planas como plagiocefalia ou braquiocefalia);
. Alterações do sono;
. Atrasos do neurodesenvolvimento;
. Irritabilidade ou inquietude;
. Dificuldades em adormecer;
. Despertares frequentes;
. Preferências de posicionamento;
. Problemas respiratórios;
. Luxação congénita da anca;
. Alterações do desenvolvimento motor.

loading